Quais são os impactos do excesso de atividades operacionais em escritórios de contabilidade?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

A área contábil apresenta muitas atividades operacionais que, quando realizadas manualmente e em excesso, afetam diretamente nos resultados do escritório. Além de consumirem tempo e recursos, essas tarefas reduzem a produtividade dos colaboradores e embargam a produção.

A tecnologia promoveu a evolução de diversos setores, automatizando tais atividades operacionais. Na contabilidade não é diferente. O ramo sofreu alterações significativas desde que as ferramentas inovadoras são aplicadas para realizar os afazeres de maneira rápida, eficiente e sem erros.

Quer saber como o excesso de atividades operacionais impactam a sua organização? Fique conosco, explicaremos o assunto e mostraremos como a tecnologia pode minimizar tais problemas!

Qual o impacto do excesso de atividades operacionais em um escritório contábil?

A contabilidade detém muitos processos longos e cansativos. Ao mobilizar pessoal para executar tais tarefas no escritório, deixa-se de aplicar tempo e capital humano para desenvolver aspectos mais relevantes para a saúde da empresa. Dar enfoque para esse trabalho reflete diretamente nos resultados. Quer saber por quê? Entenda, a seguir, como o excesso de atividades operacionais pode prejudicar o seu negócio!

Incidência de erros aumentada

No trabalho contábil, o profissional lida com centenas de documentos e informações durante todo o processo. Para cada tarefa, diversos arquivos precisam ser analisados e muitos dados devem ser observados e inseridos manualmente nos sistemas pertinentes.

Ainda que o contador seja extremamente competente e atento às suas atividades, é comum que cometa erros. Independentemente de haver possibilidade de resolução, tais deslizes prejudicam os prazos e aumentam o tempo gasto.

Quando há o acúmulo de tais obrigações, o cansaço do profissional se eleva e sua capacidade de concentração é reduzida. Desse modo, ainda mais faltas podem ocorrer, diminuindo a produtividade do colaborador e embargando os resultados e a finalização dos trabalhos para a empresa.

Trabalho estratégico em desfoque

As mudanças estruturais que ocorrem atualmente na contabilidade exigem que o contador não apenas faça seu trabalho com a burocracia, mas também desenvolva uma gestão competente e em constante aprimoramento.

Para que seja possível, faz-se necessário que os colaboradores estejam envolvidos e dedicados a promover uma estratégia consistente, que melhore os processos e os serviços constantemente.

No entanto, é impossível desempenhar uma gestão alinhada e buscar o aperfeiçoamento, utilizando de relatórios e dados, quando o escritório desloca seus esforços unicamente para os processos operacionais.

Produtividade reduzida

No processo operacional tradicional, o contador profissional está inserido em diversas burocracias que boicotam sua produtividade. Ao consumir muito tempo para realizar as atividades, que geralmente são muito minuciosas e requerem atenção, o profissional não rende grandes frutos para a gestão, aplicando sua energia em processos intermináveis.

Todos os resultados que a mente do colaborador poderia trazer ao escritório são desperdiçadas. Muitas horas são gastas tanto para fazer esse trabalho quanto para corrigir os erros já citados, que ocorrem normalmente ao lidar com tantos dados e burocracias manualmente.

Tempo e dinheiro desperdiçados

Graças aos diversos fatores já citados acima, o trabalho leva muito mais tempo para ser executado e entregue ao cliente. Assim, a empresa consome muito mais recursos e estrutura para executar os serviços aos clientes.

Como muitos erros acontecerão, a produtividade será reduzida, o escritório arcará com tal embargo no tempo de maneira financeira. Afinal, custos são envolvidos para manter o andamento das atividades.

Assim, para um mesmo trabalho que poderia ser desenvolvido em pouco tempo e de maneira automatizada, se utilizará muito mais tempo para fazer manualmente, tornando o processo caro e ineficiente.

Competitividade ameaçada

Para a sobrevivência do escritório de contabilidade, é preciso que ele dispute espaço e clientes com muitos outros estabelecimentos da concorrência. Para conseguir esse feito, é necessário se destacar dos demais, tendo um diferencial de mercado.

Embora os preços dos serviços e a reputação estabelecida no negócio sejam importantes, não são suficientes para compor um quadro de boa prospecção de clientes interessados em contratar o escritório.

Atualmente, é imprescindível para qualquer organização contábil oferecer serviços diferenciados, com maior enfoque na consultoria e em soluções estratégicas. Ou seja, ao focar no processo operacional, a empresa entrega para o cliente apenas uma execução básica, como todos os demais escritórios.

Mas, afinal, quais soluções podem ser aplicadas para que tais problemas não prejudiquem o seu negócio? Continue conosco, pois apresentaremos uma solução eficaz para o excesso de atividades operacionais!

Como a tecnologia pode ajudar a reduzir esses impactos?

A tecnologia vem modificando profundamente a maneira como a contabilidade é executada. A automatização de processos acaba com os exaustivos e longos trabalhos manuais. Desse modo, os profissionais podem se dedicar às tarefas da gestão e etapas do serviço que requerem suas habilidades de raciocínio.

Por exemplo, o arquivamento dos documentos, a comunicação com o cliente, atividades fiscais e demais atividades operacionais do escritório podem ser otimizadas quando realizadas por um sistema.

O contador pode utilizar essas ferramentas como um suporte para seu trabalho, permitindo que a automatização faça a parte cansativa. Assim, as etapas operacionais não ficam excessivas nem prejudicam a rotina da empresa.

Quais os benefícios da redução de atividades operacionais para o escritório de contabilidade?

O escritório contábil se beneficia radicalmente quando as atividades operacionais são reduzidas. Com o auxílio da tecnologia, os colaboradores podem se dedicar a outras atividades da gestão que trarão mais retorno.

A equipe passa a trabalhar em controle de custos, gastos e atividades necessárias a uma boa administração. Também há a oportunidade de trabalhar no marketing do escritório, captação de clientes, oferecer consultorias mais abrangentes e direcionadas a todas as demais funções necessárias.

Outro ponto importante: a produtividade da empresa é potencializada. As tarefas operacionais são feitas em tempo mínimo, sem erros e de maneira integrada, gerando relatórios sobre o desempenho. A dedicação e os resultados dos funcionários também são alavancados quando estes passam a desenvolver atividades desafiadoras e não mecânicas.

As atividades operacionais inerentes às rotinas contábeis podem prejudicar o seu negócio. Investir em tecnologias que realizam essas tarefas e minimizam os impactos em sua gestão é importante para melhorar os processos e alavancar o negócio.

Nosso texto contribuiu com informações úteis e aplicáveis para o seu negócio? Quer estar sempre atualizado sobre assuntos que podem melhorar a gestão contábil? Assine a nossa newsletter e receba sempre conteúdos incríveis sobre contabilidade!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Posts mais recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Utilizamos cookies próprios e de terceiros para melhorar a sua experiência no uso do site. Ao utilizar nosso site você reconhece que está de acordo com a nossa Política de privacidade.