A diferença entre Gestão Ágil e Tradicional

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

A gestão da sua empresa influencia em todos os setores e principalmente no futuro da mesma. Diminuição de custos, ganho de eficiência em operações, redução de retrabalho e monitoramento das demandas, estas são algumas das maiores preocupações de uma empresa de contabilidade e tudo isso é fruto a ser colhido caso haja uma boa gestão. 

Mas você sabia que existe outro modo de gestão capaz de aliar a agilidade através de planejamento e validação das etapas da tarefa ou projeto antes mesmo de serem executadas? É a GESTÃO ÁGIL.

A Gestão Ágil trata-se de uma forma de otimizar os processos feitos dentro da tradicional, potencializando os resultados da empresa com rapidez, flexibilidade e integração. Sendo considerada uma abordagem leve de gerenciamento de projetos, onde o projeto é dividido em várias etapas menores para que seja mais fácil aplicar mudanças e sua finalização.

A diferença entre Gestão Tradicional e Gestão Ágil

No formato tradicional, o projeto em si só faz sentido quando é entregue no final se estiver completamente finalizado. Já no método ágil, o projeto é dividido em etapas e entregue de forma parcial ao cliente, solucionando parte da necessidade dele antes mesmo da execução final.

A principal diferença entre eles está no modo como os projetos são planejados. Sendo que na gestão tradicional é separado um tempo para planejamento antes da execução do projeto, onde todas as especificações, prazos e responsabilidades são definidas. Já na gestão ágil, no começo é decidido apenas o básico e o restante do projeto se deixa a ser definido com o passar do tempo, sendo possível o produto ou resultado final ser alterado, se necessário, em qualquer momento da execução. 

Podemos resumir da seguinte forma:

  • ENTREGA
    • Tradicional: Uma única entrega
    • Ágil: Entrega em etapas
  • FOCO
    • Tradicional: Foco em uma tarefa de cada vez
    • Ágil: Foco em diversas tarefas ao mesmo tempo
  • PLANEJAMENTO
    • Tradicional: Planejamento completo antes do início do projeto
    • Ágil: Planejamento feito em etapas e conforme o projeto vai acontecendo 
  • ALTERAÇÕES
    • Tradicional: Sempre tentando amenizar as alterações
    • Ágil: Alterações feitas constantemente 

Como você pode ver o modelo de gestão ágil traz diversas vantagens para você e sua empresa e elas não param por aí, além de trazer diversos benefícios para sua empresa, é possível aplicar estes mesmos conceitos no RH, com uma série de melhorias na produção diária do departamento e consequentemente na gestão das pessoas. 

Algumas das vantagens são:

  • Autonomia para a equipe;
  • Flexibilidade perante as mudanças;
  • Contato entre os colaboradores e o RH;
  • Otimização e maior produtividade.

E AGORA, QUAL MODELO DE GESTÃO USAR?

Antes de decidir qual modelo de gestão usar na sua empresa de contabilidade, você precisa conhecer um pouco de cada uma delas e ver se adapta melhor a sua realidade e qual o foco do seu negócio, seja redução de esforços não necessários no momento, aumento de lucros ou satisfação do cliente. 

Quanto melhor você entender sua empresa e o seu problema, mais chances você tem de acertar na hora da escolha do melhor modelo para todos da sua equipe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Posts mais recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies próprios e de terceiros para melhorar a sua experiência no uso do site. Ao utilizar nosso site você reconhece que está de acordo com a nossa Política de privacidade.